11/07/2013

Panna Cotta com calda de Amoras


Há um século eu queria testar essa receita e usar as minhas lindas amoras congeladas e forminhas novinhas em folha...rsrs
E graças ao feriado prolongado aqui no estado de São Paulo, arregacei as mangas e fui pra cozinha, apesar do frio. Digo apesar do frio porque esse tempo me deixa preguiçosa e só de pensar em fazer algo diferente, penso na louça que terei que lavar embaixo da água gelada que sai da torneira... aff...
Me desculpem, mas não sou perfeita. Tenho meus dias de preguiça, sim! E quem não tem? Que atire a primeira pedra. Mais uma razão para eu preferir o calor...
Bom, deixando um pouco o frio de lado, o que também me motivou para fazer essa receita, foi que eu queria estrear o meu presente de Natal (um pouco atrasada, confesso! rsrs), que ganhei do meu irmão caçula, o Maurício. Ele me deu um livro lindo no Natal passado, chamado Culinária Itália - Especialidades Italianas. O livro é formidável, pois é divido em regiões e além das receitas, você conhece um pouco da história e da cultura Italiana. Impossível não se apaixonar! Super recomendo!
E como ultimamente tenho postado mais receitas salgadas do que doces, escolhi uma doce e clássica: a panna cotta! Segundo a autora Claudia Piras:

"(...) A panna cotta é também uma sobremesa extremamente simples, mas, quando se utilizam boas natas, é incrivelmente deliciosa. Não é diretamente originária do Vale de Aosta, é antes uma sobremesa típica de todo o norte da Itália, visto que desde sempre foi explorada a indústria dos laticínios. Nos dias de hoje, a panna cotta é, no entanto, preparada em praticamente todas as regiões. (...)"

Para mim esse pudim tem um sabor suave e delicado que é valorizado pela calda. Imperdível!
Panna Cotta com calda de Amoras
Receita levemente alterada DAQUI

03 folhas de gelatina
1/2 litro de creme de leite fresco
20g de açúcar refinado
01 colher (chá) de essência de baunilha

Preparo da Panna Cotta
1. Pique as folhas de gelatina e coloque os pedaços dela em um prato fundo, com 05 colheres de sopa de água, para hidratarem. Reserve.
2. Em uma panela, leve o creme de leite, o açúcar e a baunilha ao fogo baixo, mexendo sem parar até levantar fervura.
3. Esprema a gelatina hidratada para tirar o excesso de água.
4. Em seguida, retire a panela do fogo, acrescente a gelatina mexendo constantemente até que ela se dissolva por completo.
5. Assim feito, distribua a panna cotta em tacinhas ou forminhas (untadas com óleo) e deixe-as esfriar por completo antes de colocá-las na geladeira.
6. Quando estiverem frias, leve-as para gelar por algumas horas (até ficarem firmes).
Calda de Amoras
250g de amoras
03 colheres (sopa) de açúcar
1/2 limão

Preparo da Calda de Amora
Bata as amoras no liquidificador junto com o açúcar e o limão até obter um purê. Se preferir, passe por uma peneira fina e reserve até a hora de servir. A calda fica levemente doce.

Montagem
1. Caso você tenha usado forminhas, envolva-a com um pano, e passe delicadamente uma faca (de ponta) apenas na borda do pudim para que o ar entre e dessa forma, você consiga desenformar a panna cotta. 2. 2. Se você tiver usado taças de vidro, apenas derrame a calda sobre o pudim. 
3. Decore com amoras frescas e folhinhas de hortelã.
4. Sirva imediatamente.

Buon appetito!!!
Beijocas à todos e que vocês tenham uma semana tão doce quanto a panna cotta! ;-)
Cintya Maria

11 comentários :

  1. Sobremesa perfeita, Cintya! Panna Cotta , para mim, é uma das melhores sobremesas.E, com essa calda de amoras, então...
    Bj,
    Lylia

    ResponderExcluir
  2. Que panna cotta linda!! Nunca fiz com calda de amoras, mas adorei a sugestão :)

    Beijinhos*

    ResponderExcluir
  3. Adoro e essa ficou mesmo uma tentação.
    Também fiz uma á pouco com compota de morango.
    bjs

    ResponderExcluir
  4. Cintya,
    essa sobremesa é boa demais, e vc arrasou
    com estas fotos maravilhosas, que nos deixa com
    água na boca!

    Beijos, fica com Deus!

    ResponderExcluir
  5. Cintya, a pannacotta ficou com uma cara linda, mas confesso que fiquei hipnotizada com essa calda de amoras...que cor! E esse contraste com a panna (tô íntima) branquinha? Sobremesa gostosa e com um visual nota 10 :) Mesmo com o frio que está nesse momento, comia agora, sério! Beijos.

    ResponderExcluir
  6. Cintya querida, ficou tudo tão tentadoramente lindo e irresistível, de acordo com seu capricho habitual.
    Sabe que pannacotta virou uma das sobremesas preferidas aqui de casa, vou testar essa sua receita assim que minha filhota voltar.
    Beijão
    Ah, respondi lá no Caldeirão, o segredo para as fotos estarem melhor é que um amigo me emprestou uma máquina boa por uns tempos :-)

    ResponderExcluir
  7. Hummmmm...acho q testarei essa receita...parece maravilhosaaaa!!!

    ResponderExcluir
  8. Fiz e amei!! Ja fiz com calda de kiwi tbm... Adorei!! :)

    ResponderExcluir
  9. Oi Denise!!!

    Fiquei muito feliz com seu recadinho e em saber que vc gostou! Obrigada pelo retorno!
    Bjs

    ResponderExcluir
  10. Cintya olá!!
    Indiquei esta receita no especial e ano novo lá do blog!

    Beijos!!

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita e volte sempre!