08/10/2014

Batatas ao Forno

Olá pessoal! Como estão?
É incrível como o tempo tem passado rápido. Custo a acreditar que já estamos em Outubro! Isso me causa uma certa angústia, pois é sinal de que mais dia, menos dia, virei aqui lhes desejar Feliz Natal!
Sei que essa sensação é devido ao volume de coisas que temos (ou arranjamos) para fazer, e gostaria que os  dias fossem mais longos, para poder aproveitá-los melhor. Tenho essa ilusão quando chega o horário de verão, onde tenho a sensação de que os dias são mais longos. Eu particularmente adoro essa época, pois acordo muito mais disposta, diferente de muitos que acordam cansados. No verão fico muito mais ativa, levanto rapidamente da cama e, só de pensar nisso já fico animada! Olha só a conversa mudando de rumo..rs
Voltando à questão do tempo, quando disse no parágrafo acima que gostaria de aproveitar melhor o meu tempo, é porque tenho consciência de que quero fazer muito mais daquilo que consigo. Se tem algo que está me incomodando ultimamente é a falta de tempo, a qual está atrelada à minha desorganização, admito. Virginiana nata, sempre fui extremamente - eu diria até demasiadamente - organizada. Eu era aquela que chegava do colégio e guardava tudo. Meu quarto estava sempre impecável e se alguém mexesse em minhas coisas (leia-se invasão de irmão mais novo), eu sabia. Como? Porque ninguém conseguia colocar as coisas de volta de acordo com o meu grau de organização. Meu guarda-roupas, por exemplo, sempre teve as roupas arquivadas e não guardadas rsrs. Eu separava as peças por tamanho, por cor e por estação do ano. Já os documentos, todos em pastas distintas e dentro delas plásticos com sub-divisões. Vocês devem estar pensando: é uma louca, ou tem TOC, só pode! Não, nem um e nem outro. sempre gostei de arrumar e, pasmem, sinto prazer nisso!
Depois de uns bons anos, a minha vida foi mudando e hoje invento tenho cada vez mais atribuições e por essa razão, temos que abrir mão de certas coisas. Foi o que aconteceu comigo. Casei, assumi mais um papel, o de dona de casa e, como se não bastasse, resolvi ter o meu próprio negócio. E depois esse blog, e agora outro. Muitos afazeres e responsabilidades, mas o guarda-roupas continua com os mesmos critérios de arrumação, porém, o segundo quarto da casa, o qual ainda não está ocupado, virou o que eu chamo de "quarto do horror", pois está entulhado de coisas. Talvez, se eu mostrá-lo para alguém, não esteja tão ruim assim, mas a verdade é que há meses venho protelando a sua organização. Só de olhar fico com uma preguiça... Sei que para deixá-lo do jeito que eu gostaria, levará um bom tempo, talvez uns dois dias, um tempo que eu não disponho no momento. E quando disponho, opto por fazer outras coisas, como estar aqui escrevendo para vocês agora nesse momento. Talvez eu consiga fazer essa arrumação antes que o ano termine, não sei... Quem sabe eu não me inspiro? #dedoscruzados
Falando em inspiração, estava eu folheando o livro que recebi no Encontro Gourmet, da Abeaço, quando me deparei com uma receita que levava batatas, entitulada de Batata Holandesa. Como eu não tinha todos os ingredientes, precisei adaptar a receita e o resultado foi surpreendente! Vamos conferir?

Batatas ao Forno
Receita adaptada do Livro de Receitas da Lata - ABEAÇO

3 batatas grandes
3 colh. (sopa) de milho (enlatado)
1 fatia de bacon (fatie o bacon no comprimento e depois em pedaços pequenos)
1/3 de xíc. (chá) de creme de leite (enlatado e sem o soro)
3/4 xíc. (chá) de muçarela ralada (usei o ralo grosso)
Noz-moscada, orégano, sal e pimenta-do-reino a gosto (ou utilize os temperos de sua preferência)
Manteiga para untar

Preparo
1. Descasque e fatie as batatas ainda cruas (espessura de + / - 0,5 cm).
2. Coloque-as em uma panela média e cubra-as com água.
3. Leve a panela ao fogo alto até ferver a água, em seguida abaixe o fogo.
4. Cozinhe as batatas até ficarem firmes, porém macias (al dente). (para saber o ponto das batatas, faça o teste espetando com um garfo)
5. Depois de cozidas as batatas, escorra a água e deixe-as esfriar.
6. Em uma tigela média, coloque as fatias de batatas, o milho, o bacon, o creme de leite, a noz-moscada, o orégano o sal e a pimenta do reino. Misture bem, com cuidado, até que todos os ingredientes estejam homogêneos e bem envolvidos pelo creme de leite.
7. Unte com manteiga um refratário médio, e coloque no fundo, formando uma camada, a mistura de batatas.
8. Cubra as batatas com a muçarela ralada.
9. Faça mais uma camada com a mistura de batatas e cubra-a novamente com a muçarela. Repita esse processo até finalizar os ingredientes. É importante que a última camada seja a de muçarela, pois ela irá ao forno para gratinar.
10. Leve o refratário para o forno por aproximadamente 20 minutos, ou até perceber que o queijo está totalmente derretido. Sirva imediatamente, acompanhado de um belo arroz branco e uma salada de folhas.
E aqui está o livro de receitas que ganhamos da ABEAÇO: ótimas receitas!

Bom apetite!

Um ótimo dia à todos!
Beijos,
Cintya Maria

6 comentários :

  1. Eu também estou que nem você, Cintya, brigando com o tempo, querendo que ele seja bem maior e ele encurtando cada vez mais.Como você, fico " inventando" o que fazer, como se não bastasse minha rotina exaustiva. Mas, vamos em frente, melhor assim que não ter o que fazer,não?
    Ainda nem tive tempo de olhar as receitas desse livrinho,mas fiquei interessada nessa que me pareceu uma delícia.
    Bj,
    Lylia

    ResponderExcluir
  2. Querida amiga, creio que o tempo curto é o problema de 99 por cento das pessoas. Parece que cada vez anda mais curto e cada vez o tempo passa mais rápido. Vc como uma virginiana nata é bem assim como se descreveu. Meu pai era assim, super organizado, super observador e correto com suas coisas. E ai de mim, filha única, que não seguisse as organizações feitas por ele e se mexesse em algo ele logo descobria, não entendia como, pois cada objeto, pequenino que fosse, se estivesse fora do lugar ele ja notava kkkkk. Coisas de virginiano hehe. Adorei essa receita, gosto de receitas diferentes que levam batata. Vou experimentar, além de ter ficado com um lindo visual. Beijinhos

    ResponderExcluir
  3. Essa batata esta mesmo uma delicia eu já nem precisava de mais nada.
    Gostei muito
    bjs

    ResponderExcluir
  4. Com tempo ou sem tempo, o certo é que eu amei a receitinha e vou fazer kkkk
    Bjsssssss

    ResponderExcluir
  5. Olá Cintya! Gosto muito de batata, sabia? Batata cozida, assada, frita, sauté, purê e agora, vejo essa receita deliciosa de batata ao forno gratinada. Vou até favoritar. Assim como você, também tenho meus "tocs" de organização. Com o tempo, quer dizer, com a falta dele, tive de deixar muita coisa para lá... Mas, de vez em quando meus 5 minutos de organização aparecem e eu me pego organizando coisas. Depois que está tudo arrumadinho é tão bom né? :-) Beijos, Paula

    ResponderExcluir
  6. Querida Cintya
    Realmente esse ano voou e o Natal já está chegando!
    Adoro o horário de verão, pois gosto muito de acordar cedinho.
    Adoro batatas ao forno, pois é o tipo de comida confortante!
    Te desejo um ótima noite.
    Bjim
    Léia

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita e volte sempre!