21/02/2013

Berinjela improvisada



Depois que a gente casa, os problemas mudam, isso é fato.
Enquanto que quando solteira o maior problema está em decidir que roupa usar para aquela balada especial, quando casada um dos maiores dilemas é inovar nas refeições, pois quem cozinha todos os dias sabe como é difícil variar o cardápio. Esse foi um dos motivos que me levou a buscar receitas na Internet e foi dessa forma que fui apresentada ao  universo dos blogs. Antes disso, me desculpem, mas eu nem sabia que eles existiam!
Cheguei nesse mundo dos blogs de gastronomia, e peguei um gosto tão grande, que ousei ter o meu próprio blog, pois imaginei que assim como eu, talvez muitas outras recém-casadas estivessem passando pelo mesmo problema: variar a "mistura". Pensei: "E por que não ajudá-las e estimulá-las à cozinhar, dividindo as minhas aflições, aventuras, acertos e erros no mundo das panelas?
E cá estou eu, um pouco melhor do que antes, pois posso dizer que nesse pouco tempo que estou aqui  com vocês (apenas 2 anos), aprendi muuuiiita coisa! E como aprendi!
Por isso, compartilho o pouco que sei, pois dividindo, multiplicamos, certo? E o resultado disso é tão gratificante! Quando um leitor nos escreve dizendo que fez tal bolo e ficou tão fofinho, vocês não imaginam como fico feliz! Às vezes penso: será que a pessoa é como eu, aprendiz de cozinheira? Fico só imaginando... E isso já me basta e me faz querer estar sempre aqui nesse cantinho que gosto tanto!

Hoje, por exemplo, não trago uma receita propriamente dita, mas sim uma dica de como "reciclar alimentos", ou melhor, reaproveitar algo que temos pronto na geladeira em uma outra receita, evitando assim o desperdício.

Eu tinha na geladeira, um restinho de carne moída que eu havia usado para rechear uma panquecas. E eu sabia que eu queria fazer um legume no almoço e esse legume seria a berinjela. Pensei de fazê-la no forno novamente, por ser mais saudável. E assim  a ideia foi surgindo... pensei em fazer algo em camadas... tinha que ser algo rápido e saboroso, pois eu não tinha muito tempo para preparar...
Com o "plano" traçado, parti para a execução.
Desta vez não fiz um molho 100% natural (que é o que geralmente faço e prefiro) por razões explicadas algumas linhas acima, porém o resultado que obtive foi muito bom! Sendo assim, decidi que vou compartilhar com vocês as dicas desse molho em outro post, certo?

Bem, vamos à execução!

Berinjela Improvisada
Rendimento: 4 porções

03 colh. (sopa) de manteiga sem sal em temperatura ambiente
1 berinjela grande, lavada e cortada em fatias no sentido do comprimento
1/2 pacote de queijo parmesão ralado
+/- 200g de carne moída já pronta
Molho de tomate (o quanto baste)
Lascas de muçarela, azeite, sal e pimenta-do-reino a gosto

Preparo

Pré-aqueça o forno (180°C)
1) Espalhe a manteiga em um recipiente refratário.
2) Cubra a manteiga com as fatias de berinjela. Regue as fatias com um fio de azeite e tempere-as com um pouco de sal e a pimenta. Lembre-se de que o queijo parmesão também irá salgar as fatias!
3) Repita o passo 1 (coloque a manteiga) e polvilhe queijo ralado sobre as fatias.
4) Coloque algumas lascas de muçarela.


5) Salpique carne moída sobre a muçarela.
6) Espalhe uma camada de molho de tomate.


7) Repita os passos 3, 4, 5 e 6 até acabarem as fatias de berinjela. Na última camada, finalize com um pouco de molho, carne moída e lascas de muçarela.


8) Leve ao forno por aproximadamente 20 minutos ou até que o queijo esteja bem derretido. Sirva imediatamente.

Bom apetite!

Beijocas,
Cintya Maria


9 comentários :

  1. Um improviso que sai uma verdadeira delicia.
    Gostei muito.
    bjs

    ResponderExcluir
  2. Concordo contigo, quando dizes que existe uma imensidão enorme de blogues de culinária, e alguns com bastante qualidade! E também quando as pessoas (blogues) servem de inspiração para outras é maravilhoso e muito gratificante.
    Assim como essa tua beringela. Feita de uma forma que nunca comi.
    beijoca

    ResponderExcluir
  3. Hummmm...adoro beringela, adoro prato único (um arroz, um macarrão ou umas batatinhas e tá feito o jantar) e adoro reaproveitamento. Que dona de casa nunca passou pelo dilema do que fazer com as sobras? Jogar fora jamais, não pode mesmo. Vi muito de mim no que você contou do início do blog, eu já era fuçadeira de receitas na internet há um tempão, mas quando casei é que o bicho pegou, rsrsrs. Beijos!

    ResponderExcluir
  4. Ainda bem que foi improvisada, por que se tivesse programado eu ia ter que ir correndo até aí.
    bjo

    ResponderExcluir
  5. Oi Cintya gosto muito de receitas improvisadas e adorei a sua sugestão ficou muito saboroso e com uma bela apresentação.
    Bjs

    ResponderExcluir
  6. È isso mesmo, Cintya! Variar o cardápio de todos os dias não é fácil, mas é na prática que vamos ganhando confiança e criando. Parabéns pela sua criatividade.Ficou uma delícia sua berinjela.
    Bj,
    Lylia

    ResponderExcluir
  7. Um improviso delicioso e com uma apresentação fantástica.

    Bjnhos e um maravilhoso final de semana.
    http://saborescomtempo.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  8. Sei bem como você se sente, pois quando me casei nem sabia cozinhar direito e meu lema era "improvisar"!
    Hoje vejo que muitas vezes uma comidinha assim é muito mais gostosa do que tantos pratos elaborados!
    Bjim e tenha um lindo fim de semana.
    Léia

    ResponderExcluir
  9. Nossa Cintya querida que aproveitamento mais delicioso,amo berinjelas e esse gratinado ficou maravilhoso, gostei demais miga. Bjos um lindo final de semana

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita e volte sempre!