31/08/2012

Fogazza: memórias e divagações



Uma vez já contei AQUI que, apesar de morar no interiorrrr de São Paulo, morei em Santos por vários anos. Criei um laço tão forte com essa cidade, que hoje posso dizer que ela é tão importante em minha vida quanto minha cidade natal, Salto.
Além de ser uma cidade muito agradável para se viver, ainda tenho muitos laços que me prendem à essa cidade, como por exemplo, as minhas amigas. Quantas lembranças!... E que saudades; de tudo e de todos!

E isso inclui a culinária, pois em casa, sempre que sentamos à mesa para alguma refeição, recordamos o quanto curtimos os restaurantes da baixada. E quantas descobertas!

E em uma dessas conversas de finais de semana, nos lembramos da feirinha hippie, que ainda acontece todo sábado no Canal 3, próximo à avenida Conselheiro Nébias. Lá, além do artesanato, existe uma feira d eguloseimas. Quando íamos na feirinha, eu pra variar, sempre escolhia as barracas de doces. O meu pai gostava do tempurá e meu irmão Fábio com minha mãe, na maioria das vezes escolhiam a fogazza. (para quem não conhece, a fogazza é parecida com um pastel frito, mas a massa é muito mais saborosa... hummm!)

E em meio à essas lembranças, resolvemos marcar um encontrinho na minha casa para fazermos a tal da fogazza.

Foi aí que eu tive a ideia de perguntar para a Carla, do precioso Cucina Artusiana, um blog de receitas italianas, se ela conhecia ou possuía alguma receita do tal "pastel italiano". Ela, com uma boa vontade tamanha, prontamente me disse que iria procurar e que mais tarde me enviaria.

Depois de muito pesquisar, e para nossa surpresa e espanto, a Carla descobriu que as receitas de fogazza encontradas eram de sites brasileiros e não italianos!?! Conclusão, de alguma forma deve haver um pouco (ou muito, não sei) de influência italiana nessa receita brasileira, mas isso não importa. O que importa é que a fogazza saiu e ficou uma delícia!!! Todos adoraram e pediram para fazer um repeteco em breve. Ufa! Missão comprida, ops, cumprida!...rsrs...

Entretanto, a história não pára por aí.
Tanto a Carla quanto eu, somos formadas em Letras. E o povo de Letras adora uma análise, seja ela sintática ou não, mas a origem das palavras nos fascina!
Não satisfeita com tal descoberta, a dona Carla continuou sua pesquisa e descobriu muito outros termos próximos, porém bem distintos da fogazza que eu queria. Existe a focaccia, que acredito eu ser mais familiar para vocês, pois até aqui no interiorrrr onde as novidades demoram um pouco mais para chegar, ela já é vendida em  padarias. Há também a fugassa/fügassa, a schiacciata... enfim, algumas variações. Para você entender melhor esse assunto, sugiro que você dê uma passadinha no blog da Carla, pois ela está lá te esperando com uma deliciosa focaccia. Vai perder? Corre lá.............

Fogazza Frita
Receita DAQUI

600g de farinha de trigo (peneirada)
2/3 de um pacotinho de fermento biológico seco
01 e 1/2 colh. (chá) de sal
01 colh. (chá) de açúcar
02 colh. (sopa) de óleo
01 xíc. (chá) de água morna (se usar água quente, vc estraga o fermento, cuidado!)



Preparo

Antes de começar a trabalhar a massa, reserve uma parte da farinha de trigo.  Em seguida, coloque o restante em uma tigela grande. Acrescente o fermento seco e com o auxílio de um garfo misture bem. Acrescente o sal e o açúcar e misture novamente. Faça o mesmo com o óleo. Vá acrescentando a água aos poucos, até perceber que a massa está ficando homogênea e que está se desprendendo das mãos. Quando isso acontecer é porque a massa está no ponto. Sove bem. Deixe a massa descansar por 30 minutos.
Divida / corte a massa em porções iguais. Abra cada porção com um rolo, tentando deixá-las no formato de um círculo.
Distribua o recheio, feche as fogazzas apertando bem as pontas e com um garfo, pressione as bordas para que elas fiquem bem fechadas.
Frite-as em óleo quente e sirva a seguir.

Sugestão para o Recheio

Escolha os ingredientes de sua preferência. Aqui, fizemos apenas de 2 tipos: 1 com calabresa, muçarela e cebola e orégano e o outro com presunto, muçarela, tomate, palmito, ervilha, milho, ovo , cebola e orégano. Ficou divina a combinação!


Essa de calabresa foi feita à pedido do meu irmão Fábio, mas depois o marido e o papis também quiseram experimentar!...rsrs...


E não foi só comilança, todo mundo participou, quer ver?

A minha cunhada Elke ajudou na preparação de tudo (e fez uma 2a. receita da massa também!)


Já o Fábio, meu irmão mais velho, ficou com a parte mais árdua, a fritura (que foi feita lá no quintal...rs)


E assim, a família unida saboreou essa receita unida!!!

Beijos e espero que tenham gostado! Um ótima sexta pra todos!!!

22 comentários :

  1. Que post mais delicioso querida. Que gostoso trazer essa energia de recriar uma memória afetiva. Vou passar lá na Carlinha para ver a dela.
    Bom, Santos é minha cidade mãe, né? A feirinha ainda rola por lá, firme e forte.
    Amei! Beijão

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa, Sandra, tenho uma saudade de lá... Vivi ótimos momentos naquela cidade, que jamais esquecerei!
      E essa feirinha... ô delícia! Adoro uma feirinha hippie!

      Obrigada pelo comentário!
      Bjs!

      Excluir
  2. NUNCA COMI MAS O ASPECTO AGRADOU-ME IMENSO, DEVEM SER UMA DELICIA.
    BOM FIM DE SEMANA
    BJS

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi São!

      Vale a pena experimentar, viu? É uma delícia mesmo!!!

      Bjs e ótimo fim de semana pra vc tbém!

      Excluir
  3. Minha menina linda, eu sou apaixonada por essa Fogazza. Agora com a receita na mão, farei em breve!
    Fazer uma receita que nos remete a ótimas lembranças é mesmo genial. Ainda mais se ela sai perfeita como desejávamos. E com a ajuda da Carlinha, vocês bateram um bolão!
    Obrigada pois vou levando comigo,viu?
    Bjinhos e ótimo fim de semana. RE

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Regina!

      Agradeço o seu carinho! Vc viu a dedicação da Carla??? Só podia ter um resultado desses, mesmo!

      Bjs e excelente fds pra vc tbém!

      Excluir
  4. Hummmm...gosto muito de fogazza!!
    Parabéns, deu água na boca!!
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Magda!!!

      Acho que deu pra perceber que nós tbém gostamos muito né?

      Bjs

      Excluir
  5. Oi, amada! Com certeza esta combinação de ovo, tomate, palmito etc...etc...seria a minha preferida! A-do-rei esta sugestão de recheio! Vou fazer esta receita que me água na boca e depois te digo!!! Um beijo e um queijo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiê!!!!!!!!!!!!

      Que alegria ter vc aqui!
      Isso mesmo, teste e depois me conte!

      Bjs e até breve!

      Excluir
  6. Cintya, cheguei a sua cozinha pelo post da Carla e claro porque queria ver essa delícia de perto!Quando cça, na minha escola um menino vendia no portão deliciosas "esfihas" (pelo menos eu achava que eram)elas eram douradas, bem recheadas e feitas com uma massa gorducha, muito saborosa e eram...fritas!A saudade daquele sabor me trouxe aqui e levo sua receita para provar!
    Um ótimo final de semana e até mais...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Cristina! Seja bem-vinda à minha cozinha!

      Fico contente que o post tenha despertado tbém em vc memória de infância! Acredito que "recordar é viver!"...
      Fique à vontade para provar, será um prazer! Só não esqueça de me contar como ficou, hein?

      Bjs

      Excluir
  7. Vou te confessar amiga, você acaba de realizar um sonho.Sempre como essas delicias na festa italiana que tem na igreja que frequento e nunca consegui a receita.Copiei e farei e depois com certeza, venho aqui e te conto como ficou.
    Beijos e um final de semana abençoado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Léia!!!

      Essas festas Italianas são uma perdição, não é mesmo? Eu simplesmente AMO comida italiana!
      Se vc testar, depois me conta, ok?

      Bjs

      Excluir
  8. Olá Cyntia!!!Fiquei muito feliz com suas palavras no blog!!Já estou seguindo seu blog para trocarmos idéias e receitinhas... Espero podermos nos conhecer no encontro...bjinhos...

    ResponderExcluir
  9. Olá Cyntia, que delicia de fogazza menina de Deus! Essa massa achei excelente, dve ficar super macia, o recheio,perfeito. Uma fogazza sequinha como gosto. Bjos, excelente domingo

    ResponderExcluir
  10. Ah, vai ter que fazer de novo... e logo! hehehe

    ResponderExcluir
  11. Oi Cyntia estou postando nesse momento as fogazzas que fiz copiando sua receita, se quiser dá uma passadinha pra ver como ficou.Beios querida.

    ResponderExcluir
  12. http://comeresocomecar.blogspot.com.br/2012/10/frita-fiquei-em-duvida-se-postaria-essa.html
    Este é o link da receita da fogazza, ainda não tinha terminado de postar.Obrigada querida, adorei a receita.Beijos.

    ResponderExcluir
  13. Acabei de fazer e ficou DEMAIS!
    Qdo postar te mando o link!!!
    Beijão, Cintya!!!

    ResponderExcluir
  14. A muito tempo venho procurando uma receita de um salgado que achei delicioso, acho que acabei de achar!! Vou testar o mais rapido possível, só gostaria de saber quanto uso do fermento fresco.
    Bj. Silvia.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Silvia.

      Nessa receita usa-se 2/3 de um pacotinho de fermento biológico SECO, como descrito na receita, ok?

      Excluir

Obrigada pela visita e volte sempre!